Feminicídio em Morro Agudo, agressão e ameaça de morte em São J. da Barra . Região registra tarde de crimes contra mulheres.


← Voltar para as Notícias




Postado em 9 de janeiro de 2020 às 10:02


Foram tres crimes contra mulher em menos de 24 horas , registrados em Morro Agudo e São Joaquim da Barra

Por volta das 13h40 de quarta – feira (8), a Pm foi acionada para atendimento de uma ocorrência de esfaqueamento , que se deu pelo bairro Antônio José Abraão.

Ao chegar no local os policias foram informados que a vítima identificada como Jennifer Maila Silva Paz (24 anos)havia sido socorrida pela ambulância municipal e encaminhada ao Hospial São Marcos.

Os policiais foram informados por testemunhas  que o autor do crime era o ex-marido de Jennifer ,e que logo após esfaquear a vítima por 14 vezes fugiu em um automóvel GM Astra de cor Branca.

A policia militar iniciava um patrulhamento  quando foram informados que o criminoso (29 anos) havia se entregado na delegacia de policia Civíl e confessado o crime . Ele foi preso em flagrante pelo crime de Homicídio Doloso/Feminicídio  e conduzido a Cadeia Pública de São Joaquim da Barra.

Durante a finalização da ocorrência foi  confirmado que Jennifer não resistiu aos ferimentos e morreu.

Enquanto isso, em São Joaquim da Barra, um homem (46 anos) agredia sua companheira (33 anos) pela Rua Bahia, no Bairro Vila Dienno.

Testemunhas acionaram a policia militar pelo telefone 190 que se deslocou até o local dos fatos.

Chegando na residência, os policiais se depararam com a vítima do lado de fora da casa. Ela apresentava diversas escoriações no rosto e disse aos policiais que tinha sido agredida e ameaçada de morte por seu amásio que estava dentro da casa.

Os policiais deram voz de prisão ao acusado e encaminharam as partes para a Delegacia da Mulher , onde a delegada de Plantão elaborou om boletim de ocorrências por Lesão Corporal/Ameaça/Violência Doméstica.

Ao término da ocorrência, o acusado foi encaminhado a cadeia pública onde aguarda por audiência de custódia.

Ainda em São Joaquim da Barra, durante a madrugada de hoje , uma idosa (81 anos) também foi agredida pelo próprio neto (31 anos) no Bairro Vila Dienno .

Após receber denúncia via 190, sobre um individuo que estaria agredindo sua avó, a viatura deslocou-se até o local dos fatos e colheu a versão da vitima, uma idosa que confirmou estar sendo ameaçada e ofendida verbalmente pelo seu neto. Ela que possui medida protetiva que determina o afastamento do neto agressor de sua residência.

Após colher a versão da senhora e verificar a medida protetiva, os policiais deram voz de prisão ao indiciado por descumprir a medida protetiva e o conduziu a delegacia.

O agressor foi apresentado ao delegado que elaborou um boletim de ocorrência por injuria, deixando o indiciado a disposição da justiça, pela Cadeia Pública de São Joaquim da Barra, aguardando a realização da audiência de custódia.

Informações dos boletins de ocorrências da policia militar.